Deleuze & Guattari - O anti-Édipo, com primeira aula gratuita

 


O vídeo da PRIMEIRA AULA 
estará disponível até quinta, 27/01



A partir de 20/01, durante 17 aulas às quintas, com a primeira aula gratuita, serão expostos os conceitos mais importantes sobre o livro O ANTI-ÉDIPO DE DELEUZE & GUATTARI: as máquinas sociais e as máquinas desejantes; a neurose, a perversão, a psicose e as linhas de fuga criadoras; o inconsciente produtor sem Édipo e as tarefas da esquizoanálise.


SE VOCÊ DESEJA SE INSCREVER PARA O CURSO COMPLETO (ATÉ 27/01)


Valor: R$ 299,00. Opções de pagamento:

1. Via SYMPLA no cartão de crédito em até 12x
CLIQUE AQUI para efetuar o pagamento.

2. Via ASAAS no boleto e Pix copia e cola (QR Code)
CLIQUE AQUI para efetuar o pagamento.

3. Via CHAVE PIXTRANSFERÊNCIA BANCÁRIA
Solicite a chave Pix, ou os dados bancários (Itaú ou Banco do Brasil), pelo email filosofia@amauriferreira.com

Se você não reside no Brasil e deseja se inscrever, entre em contato pelo email acima.

👉 Inscrição SOMENTE até quinta, 27/01. Após a confirmação do pagamento, os links exclusivos das aulas serão enviados por e-mail na data da transmissão de cada aula. Não é necessário instalar aplicativo.



SOBRE O CURSO ONLINE

DURAÇÃO: 17 aulas, às quintas, de 20/01 a 12/05
HORÁRIO: das 20h30 às 22h30 


➜ O curso é destinado a interessados em geral e não é necessário ter conhecimento prévio para se inscrever.

➜ A aulas serão transmitidas ao vivo, com opção de perguntas pelo chat.

➜ Quem não puder assistir ao vivo, não há problema, pois todos os participantes terão acesso ilimitado aos vídeos durante 90 dias (incluindo o vídeo da primeira aula), após a transmissão de cada aula.

➜ Os participantes terão acesso aos links para baixar os áudios de todas as aulas (para obtê-los definitivamente será necessário baixá-los em até 90 dias) e ao material complementar (textos, vídeos e bibliografia).

➜ Cada aula será dividida em três partes: na primeira parte, exposição dos conceitos; na segunda parte, comentários de citações selecionadas do livro; na terceira parte, perguntas dos participantes por meio do chat.

➜ Haverá certificado de participação com carga horária de 34 horas.



A primeira obra de Gilles Deleuze e Félix Guattari, "O anti-Édipo", é marcada por uma nova teoria do desejo e do inconsciente. Como alternativa à representação tradicional do inconsciente (Édipo como dogma), Deleuze & Guattari não dissociam o desejo do processo de uma linha de fuga criadora que é traçada pelas máquinas desejantes. Em razão das exigências de cada formação social, o desejo é necessariamente separado do seu processo e subordinado a um sistema de repressão-recalcamento que o desintensifica. Portanto, o problema clínico e político da teoria de Deleuze & Guattari é devolver ao desejo o processo que o intensifica por meio de novos acoplamentos ou agenciamentos maquínicos, criando, desse modo, novos territórios existenciais ou modos de existência.


Aula 1, em 20/01: Apresentação geral do curso (aula gratuita)

Aula 2, em 27/01: A máquina territorial primitiva (corpo pleno da terra) e a máquina despótica bárbara (corpo pleno do déspota).

Aula 3, em 03/02: A máquina capitalista civilizada (corpo pleno do capital-dinheiro).

Aula 4, em 10/02: Capitalismo e esquizofrenia: a desterritorialização e a descodificação dos fluxos de desejo; Estado e paranoia: a reterritorialização e a axiomatização dos fluxos.

Aula 5, em 17/02: Distinções entre as terras familiares edipianas da neurose, as terras artificiais da perversão e as terras asilares da psicose.

Aula 6, em 24/02: A edipianização no capitalismo: a privatização familiar e o triângulo pai-mãe-eu.

Aula 7, em 03/03: Continuação da edipianização no capitalismo: a imagem deslocada da produção desejante como pulsões familiares incestuosas.

Aula 8, em 10/03: A edipianização na psicanálise: o falo transcendente; a identificação neurótica e a interiorização dita normativa; a aplicação das imagens sociais às pessoas familiares.

Aula 9, em 17/03: Continuação da edipianização na psicanálise: a culpabilização do inconsciente; Édipo como causa das perturbações neuróticas.

Aula 10, em 24/03: O inconsciente produtor sem Édipo: as máquinas desejantes e as sínteses do inconsciente.

Aula 11, em 31/03: Continuação do inconsciente produtor sem Édipo: o corpo sem órgãos, o recalcamento originário do desejo e o recalcamento propriamente dito.

Aula 12, em 07/04: A tarefa negativa ou destrutiva da esquizoanálise: desedipianizar o inconsciente.

Aula 13, em 14/04: A primeira tarefa positiva da esquizoanálise: quais são as suas máquinas desejantes?

Aula 14, em 21/04: A 1ª tese da segunda tarefa positiva da esquizoanálise: todo investimento é molar e social.

Aula 15, em 28/04: A 2ª tese da segunda tarefa positiva da esquizoanálise: a distinção entre o investimento pré-consciente de classe ou de interesse e o investimento libidinal inconsciente de desejo ou de grupo.

Aula 16, em 05/05: A 3ª tese da segunda tarefa positiva da esquizoanálise: todo investimento libidinal do campo social é primeiro em relação aos investimentos familiares.

Aula 17, em 12/05: A 4ª tese da segunda tarefa positiva da esquizoanálise: a distinção dos dois polos de investimento libidinal social.



Dúvidas? 
Entre em contato conosco pelo email 




AMAURI FERREIRA é filósofo, escritor e professor. Desde 2006 ministra cursos livres de filosofia. É autor dos livros "Simplicidade Impessoal" (2019) e "Singularidades Criadoras" (2014). É também autor de livros introdutórios sobre Spinoza, Nietzsche e Bergson. Visite: www.amauriferreira.com


________________________


Acompanhe a nossa programação
pelas redes sociais

    

Comentários